Wit tem aromas cítricos Foto:Rogério Sventkauskas

 
 

Brazilian Nut Brown Ale Foto:Rogério Sventkauskas

 

 

As cervejas caseiras de Rogério Sventkauskas, idealizador da Gandras Alus, tem um aspecto personal.izado e marcante. Foram degustadas 4 tipos de cevas: Wit, Brazilian Nut Brown Ale, Brown Ale Cravo e Canela e Baltic Porter. Ao abrir cada garrafa, sentia-se um aroma agradável de cerveja encorpada e suas respectivas notas. No copo, a formação da espuma e a durabilidade dela. E finalmente o copo na boca com boa drinkability, que nos convidava a repetir mais uma rodada! Abaixo, estão mais detalhes sobre a degustação realizada dia 16 de Outubro de 2011.

Wit: De cor dourada, com espuma cremosa e branca, possui um bom equilíbrio entre o malte e lúpulo. Aromas cítricos com presença de coentro e casca de laranja. Corpo médio-baixo com alto drinkability. ABV 4,5%

Brazilian Nut Brown Ale: Corpo médio, boa formação de espuma e duração. Notas de torrefação de caramelo e chocolate. Final seco mas sem adstringência devido a presença de castanha do pará e castanha de caju na receita. ABV 5,0%

Brown Ale Cravo e Canela: Uma cerveja gourmet de corpo médio-alto, com aroma de cravo e canela. Notas de chocolate e caramelo. Ótima formação de espuma com grande durabilidade. Final adociado. ABV 6,5% .

Baltic Porter: Esta ceva se destacou: Corpo médio-alto, amarga e com notas de café, chocolate devido ao elevado grau de torrefação dos maltes e o alcaçuz que deu um verdadeiro "toque divino" ao amargor . ABV 8,0%

 

Cervejania.Com agradece Rogério Sventkauskas pela degustação e informações sobre as cervejas mencionadas nesta matéria.

Brown Ale Cravo e Canela Foto:Rogério Sventkauskas

Baltic Porter Foto:Tchesco