CERVEJA DA OFICINA
 

Diretamente da Cerveja da Oficina, degustamos as preciosas cevas Pilsen, Pale Ale e English Bitter Ale. A cada degustação que fazíamos, os irmãos Marcos e Roberto Camargo, também davam explicações sobre carros, motores e experiências com mecânica de autos.

Começamos a degustar a Pilsen 318 (aqui cada ceva tem um número de identificação com motores de carros, quanto mais forte for a ceva, maior é a identificação com um motor mais potente!). Possui 4,5% ABV, feita com Malte 100% pilsen, fermento Belga e pouco lupulada. Bem leve e refrescante, ideal para um dia de churrasco ou reuniões com amigos. Há notas de pão e é levemente caramelada.

O interessante é que a primeira Pilsen que degustamos foi feita em panela de brassagem manual e a segunda em panela elétrica. A segunda Pilsen feita em panela elétrica ficou mais filtrada e leve com ótima drinkability.

Pilsen 318
Fotos Tchesco
O projeto de rótulo da Cerveja da Oficina com o número da identificação da cerveja (318) bem destacado. Ao lado detalhes da carbonatação e formação de bolhas pequena. Nesta foto a Pilsen foi feita pelo sistema caseiro de brassagem.
 
Nossa conversa sobre cevas e carros foi longa. Degustamos uma Pale Ale, esta tem aromas frutados, com 7,5% ABV e apresenta notas cítricas. Ela pode ser comparada a uma Duvel Belga. Tem final frutado. Já a English Bitter Ale, que também é conhecida por 350, já é uma ceva mais forte. É extremamente malteada e um pouco seca. Tem notas furtadas e um pouco caramelizada. Tem final seco e frutado. Tanto a Pale Ale como a English Bitter Ale são ótimas opções para aqueles que apreciam cevas fortes e pratos a base de carnes bovinas ou suinas. Ao fim da degustação só faltou repetir novamente a degustação! Vale a pena!

Cervejania.Com agradece ao Marcos Camargo pelas informações sobre cervejas e as degustações e ao Roberto Camargo sobre as informações de carros, motores e queijos na nossa degustação. Valew! Esta degustação foi realizada no dia 18 de Fevereio de 2012.

 
 
Pale Ale
English Bitter Ale